Um dos Maiores Papa da Santa Igreja Católica

O Santo do Dia 10 de novembro foi responsável pela evangelização de muitos fiéis e governou a Igreja em uma época brusca do Império Romano.

Nascido na Toscana, na Itália, no ano de 395, São Leão Magno se mostrou um homem digno do título de “Magno” que recebeu, cujo significado é Grande. Dizemos isto por sua história como um dos maiores Papas da história da Igreja, sendo grande no trabalho e na santidade.

Após entrar ainda jovem no seminário, o santo do dia 10 de novembro serviu a diocese em um sacerdócio santo e prestativo. Já quando eleito Papa, no ano de 440 d.C, São Leão Magno evangelizou e governou a Igreja que sofria com heresias e invasões dos povos bárbaros.

O santo do dia de hoje enfrentou e condenou o veneno de muitas mentiras doutrinais, mas combateu com muito fervor o monofisismo que defendia, de forma mentirosa, ter Jesus Cristo apenas uma natureza e não a Divina e a humana em uma só pessoa, como é verdade.

O triunfo da doutrina e da autoridade do grande Papa aconteceu no Concílio de Calcedônia. Ali os 500 Bispos que o Imperador convocou, para resolverem sobre a questão do monofisismo, se limitaram à leitura da carta papal, dizendo ao mesmo tempo: “Roma falou por meio de Leão, a causa está decidida; causa finita est”.

Com a vitória dos desordeiros bárbaros sobre as forças do Império romano, a dimensão social de São Leão Magno foi crescendo. Assim, a última esperança era o santo Doutor da Igreja, que conseguiu salvar Roma e muitas pessoas da destruição. O Papa era a única força que seria capaz de impedir a ruína universal.

Assim, São Leão foi ao encontro do conquistador bárbaro e ficou acampado às portas de Mântua. O bárbaro então se abrandou quando viu em sua frente uma atitude de súplica do Pontífice dos cristãos e assim ele retrocedeu com todo o seu exército.

.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *