Os nomes eleitos confirmam a fraude

As Eleições Municipais em todo o Brasil foram marcadas pelo desespero da esquerda – de Brasília à cada município, a fraude foi escancarada e sem nenhum pudor. O próprio Ministro Barroso declarou à imprensa que contratou uma empresa estrangeira para gerir as Eleições, um absurdo; a começar que para uma contratação é necessário LICITAÇÕES, agora uma empresa estrangeira para apurar a Democracia Brasileira – é brincadeira.

EM ARMAÇÃO DOS BÚZIOS – RJ

ELEIÇÃO MAJORITÁRIA – PREFEITO

Na Cidade de Armação-RJ os nomes para a disputa para o cargo de prefeito eram quase todos ligados ao mesmo grupo político que está na cidade desde a emancipação; onde mais uma vez um prefeito oriundo do PDT foi eleito.

O líder do PDT – Mirinho Braga na cidade de Armação, foi eleito por três mandatos, dois consecutivos (1997-2000/2001-2004) e no último (2009-2012) acabou condenado a mais de 20 Anos de Prisão e a devolver aos Cofres Púbicos mas de 10 Milhões de Reais.  Nessa eleição Mirinho tinha disputando o cargo de prefeito:

Alexandre Martins – vereador pelo PDT 2005-2008 e vice-prefeito do PDT 2009-2012;

João Carrilho – vereador pelo PDT – 2005-2008

Leandro – candidato nessa eleição pelo PDT

Alexandre Martins foi eleito pelo Republicano, mas deverá fazer uma gestão dentro dos moldes do PDT, uma vez que foi construído e moldado pelo PDT, só saindo do partido para poder concorrer, sempre abrindo nova frente como nos moldes do ex-governador e líder Nacional do PDT – Leonel Brizola.

Nessa linha a Cidade de Armação teve os seguintes prefeitos todos oriundos do PDT:

1º Mandato Mirinho Braga – 1997-2000

2º Mandato Mirinho Braga – 2001-2004

3º Mandato Toninho Branco – 2005-2008

4º Mandato Mirinho Braga – 2009-2012

5º Mandato André Granado – 2013-2016

6º Mandato André Grando – 2017-2020

7º Mandato Alexandre Martins – 2021-2024

OBS: Mirinho Braga– Toninho Branco – André Granado todos acabaram condenados pela Justiça devido a irregularidades nas suas gestão. Só não foram condenados em mais processos devido a uma força que não permite que os muitos processos cheguem a fase final, se perdendo na prescrição por tempo. Algo inaceitável, mas que existe entre os Poderes no Brasil.

Todos os prefeitos eleitos foram do PDT, uma estratégia tradicional do Partido, que pulveriza seus militantes em vários outros partidos, para estar sempre no poder, estratégia essa que para o Grupo Político que desde a Emancipação se mantém no Poder vem dando muito certo.

É bem verdade, que a cidade de Armação ainda contava com nomes que não fazem parte do Grupo Político de esquerda que detém o Poder, mas não tiveram estrutura para a disputa; são eles: o Comandante Serafim-PSD, o Tom Viana – PSL, o Paulo Carvalho -DC e o Tolentino Reis – Pode; mas nenhum deles conseguiu destaque junto aos eleitores no período de Pré-Candidatura.

Nessas Eleições de 2020 ficou bem claro que a maioria dos eleitores da Cidade de Armação são de esquerda e grande é o “Fã Clube de Corruptos” na cidade, onde se viu nas Redes Sociais e nas Vias Públicas o carinho que a população tem pelos mesmos.

ELEIÇÃO PROPORCIONAL – VEREADORES

Foi nessa Eleição Proporcional que os moradores ficaram alarmados com o resultado; com os nomes que foram divulgados como eleitos pelo TRE, uma vez que nenhum deles passava pela cabeça de ninguém para ser eleito, muito menos falado nas ruas e esquinas como aprovados.

Se houve fraude, essa ocorreu mesmo na formação da próxima Câmara Municipal, a qual o TRE apresentou nomes que são completamente reprovados pelos próprios amantes da esquerda, como: Os dois que são parentes (filho e primo) do ex-prefeito condenado a mais de vinte anos de prisão; um que está sendo investigado como chefe da quadrilha denominada de “Alvará”; dos três reeleitos que mantiveram o prefeito condenado por Improbidade Administrativa no cargo; e de um que responde na Justiça por falsidade ideológica onde assinava contratos como engenheiro sem se quer ter estudo e quiça formação acadêmica para tal. Por esses nomes percebemos algo no mínimo muito suspeito, mas que foi oficializado pelo TRE.

Nomes que eram comentados como certos ao fim do pleito, sequer tiveram uma votação proporcional, como o caso do jornalista Elízio Figueiredo do Podemos, que apresentou mais propostas para a Cidade e Moradores que qualquer candidato à prefeito; “-É curioso, mas não culpo a minha não eleição somente a fraude, existiram alguns pontos que merecem analise, o meu eleitor não foi as urnas, quase oito mil pessoas não compareceram, e a própria direção provisória do Partido na Cidade não honrou com seus compromissos comigo, ou seja, recebi material para a campanha, mas sem qualquer estrutura para que o mesmo fosse distribuído, isso aconteceu comigo e com todos os demais membros da nominata…” coloca Elízio Figueiredo.

A Cidade de Armação terá a partir de 2021, um prefeito que ingressou na vida política sendo eleito vereador pelo PDT e só saindo para formar a chapa com o líder do PDT Mirinho que vinha para sua terceira eleição, tendo Alexandre Martins como seu vice-prefeito. Foram eleitos para para o mandato 2009-2012, onde Alexandre Martins acumulou os cargos de vice-prefeito e secretário de Saúde 2009-2010 e depois vice-prefeito e secretário de Planejamento 2011-2012, tudo pelo e para o PDT. Nas eleições de 2016, Mirinho concorreu e perdeu pelo PDT, e Alexandre Martins que pela primeira vez concorreu à prefeito e perdeu; e como Mirinho é o Líder do PDT, Alexandre novamente teve que estar em outra sigla partidária. Em suas muitas entrevistas, Alexandre nunca negou que segundo sua opinião Mirinho Braga foi o Melhor Prefeito que a Cidade de Armação já teve…

Imaginem, se na opinião de Alexandre Martins que foi eleito para prefeito, o modelo de gestão que foi a melhor para a Cidade foi a de Mirinho que está Condenado a mais de 20 Anos de Prisão e a devolver mais de 10 Milhões aos cofres públicos; que tipo de gestão a Cidade de Armação sofrerá?!

 

Nota do Editor:

Finalizamos que com fraude ou não, a “democracia brasileira” tem e deve ser respeitada, e nós do enfasebuzios torcemos por uma boa e positiva gestão Executiva e Legislativa, mas com total certeza que a realidade do DNA dos eleitos não nos levam a crer em milagres nesse campo.

 

“Cada Povo tem o Governo que Merece”

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *